segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Mais uma consulta no terapeuta!

Olá, meninas!! Como vão?
Antes de mais nada, bem vindas Amada e Anônima! Estou adorando ter os comentários de vcs! Às vezes queria responder... então se puder me enviar um e-mail seria legal! :) Se não puderem, tudo bem, continuem vindo aqui, tá?
Então, gente... minhas consultas com o terapeuta são às quintas-feiras, mas nessa última, eu fiz uma confusão e acabei marcando junto com a aula de direção... :S Pois é, sei lá o que eu tava pensando na hora, mas tudo bem. Tentei mudar a aula mas não consegui, aí acabei conseguindo mudar a terapia pra sexta, estava morrendo de medo de não conseguir pq o terapeuta havia dito que isso só seria feito em último caso, mas no final foi tranquilo... :)
Na sexta, eu acordei passando muuuuito mal, com enjoo, febre, dor de barriga, dor no corpo, tudo de ruim. Saí do trabalho mais cedo e fui pra casa descansar, só que tinha a consulta! Ai, descansei um pouco e peguei o bus pro médico. Gente, eu tava verde de tão mal, mas não queria perder a consulta por nada. Quando cheguei lá, ele logo percebeu e me deu até uma bronquinha, disse que não era pra eu ter ido passando mal, que assim não adianta e coisa e tal. Mas logo ele se conformou que eu iria até se tivesse com hemorragia! hahahaha
Bom, começamos a consulta falando da semana, como sempre e logo eu contei pra ele de vcs, de como estava sendo bom pra mim trocar experiências com gente igual a mim, sobre o fato de termos causas parecidíssimas e coisa e tal. Falei pra ele que pesquisei sobre o método de trabalho dele - a tal de TCC (Terapia Coginitivo-Comportamental) - disse que precisava saber que tudo aquilo tinha realmente um embasamento científico pra seguir mais segura.
Aproveitei pra falar tb a respeito da minha vontade de fazer os exercícios mesmo sem ele "autorizar" e essa parte da conversa foi bem interessante. Ele me disse que eu poderia até fazer, que isso não ia atrapalhar a terapia, MAS que talvez eu não tiraria 100% de proveito da atividade, por não estar preparada pra ela, então o mais adequado era esperar estar preparada (segundo ele, ele conseguirá identificar quando eu estiver) pra fazer o exercício e tirar dele todo o benefício que ele possa me oferecer.
Achei a justificativa interessante, mas confesso que fiquei ainda com vontade de evoluir mais rápido, o que eu não sabia é que essa consulta já ia evoluir! :)
Em dado momento da consulta, ele me chamou até o computador dele e começou a me mostrar um monte de fotos de vulvas... fotos mesmo, reais... achei muuuito constrangedor, mas tudo bem, era "científico" (hahaha)! Eu tinha que identificar as coisas nas fotos, grandes lábios, pequenos lábios, clitóris, etc... e depois tinha que observar como existem tipos diferentes de coisinhas... rs Eu já sabia que existiam tipos diferentes, que nenhuma era igual a outra, mas gente! Tinha cada uma! hahaha Fiquei meio chocada e ao mesmo tempo feliz pq a minha é das mais bonitinhas! rs
Depois disso, ele me passou a "lição de casa" da semana:
  • ler dois capítulos do super livro
  • fazer o relaxamento I três vezes
  • fazer massagem com o marido com creme (antes era sem nada)
  • fazer massagem com o marido com óleo
  • fazer uma observação das "partes" (rs) com um espelhinho
  • fazer uma descoberta das "partes" pelo toque

Olha quanta coisa! Fiquei tão feliz! Tô evoluindo!!

Bom, o negócio é ter fé e não parar de se esforçar, né?

Bjs!

3 comentários:

k disse...

Olá Daniela!
É impressionante como somos parecidas! Eu tb ia às consultas religiosamente, independentemente de tudo o resto, e no dia da consulta tremia com medo que o meu telefone tocasse, porque tinha medo que fosse do consultório a desmarcar a consulta porque a médica não podia. Isso chegou a acontecer mais de uma vez. Ainda por cima as minhas consultas eram só de duas em duas semanas, ou seja, parecia uma eternidade o tempo que demorava entre casa consulta.
E, sabe, a minha médica também ia me mostrar essas imagens "interessantes" (acho que num livro), mas depois acabou por não mostrar, nao sei bem porquê.
Desculpe a ignorância da pergunta, mas a massagem de que fala é masturbação com dedo, é isso? Nao sei se ja tinha falado sobre isso mas se falou escapou-me, sorry =(. E agora vou ver se respondo ao resto que me perguntaste la no meu blog...
Beijinhos amiga =) ***

Anônimo disse...

Olá Daniela,

Fiquei super feliz pelas suas conquistas... espero que meu terapeuta que dê dessas lições tb.
Te mandei um e-mail, estou no aguardo de uma resposta.

Bjs

Anônimo disse...

Oi como faço para falar com vc? tem algum email? preciso de ajuda,tenho esse problema e estou desesperada....

Postar um comentário

Que bom que vc decidiu compartilhar sua luta comigo! Vamos vencer, tenho certeza!
Agora eu aprendi, então, depois de comentar, pode voltar aqui que vai ter uma respostinha minha, tá?
Bjs